Pílulas Anticoncepcionais.


Uma pesquisa concluiu que o uso de Pílulas Anticoncepcionais faz com que certas áreas do cérebro das mulheres aumentem de tamanho.Em uma descoberta que ainda vai dar muito o que falar, a pesquisa mostrou também que a Pílula Anticoncepcional contribui também no aumento da capacidade de memoria e das habilidades linguísticas de suas usuárias.

As diferenças na estrutura cerebral entre os sexos têm sido estudadas muitas vezes antes, mas este é o primeiro estudo que avaliou o impacto do contraceptivo hormonal no cérebro. O estudo constatou que o contraceptivo usado por cerca de 3,5 milhões das mulheres britânicas aumenta o tamanho do cérebro de cerca de 3 por cento.

Os cientistas fizeram imagens de ressonância magnética dos cérebros de 14 homens e 28 mulheres, metade dos quais usavam a pílula. Várias áreas do cérebro das mulheres que tomaram a pílula eram maiores do que os cérebros das pessoas que não tomaram o contraceptivo, relata o jornal Brain Research.

Não importa qual marca ou formulação do medicamento, ou durante quanto tempo haviam tomado os contraceptivos, os resultados foram os mesmos e o crescimento ocorreu nas regiões aonde os exames mostravam que já era maior nas mulheres do que nos homens envolvidos nesta pesquisa.

No entanto, o contraceptivo pareceu ter pouco efeito sobre as áreas mais dominante nos homens, incluindo aqueles associados com habilidades especiais como leitura de mapas.

A Líder da pesquisa, Dra. Belinda Pletzer, da Universidade de Salzburgo, Áustria disse que os hormônios sexuais na pílula exercem claramente um "tremendo efeito sobre o cérebro feminino. Ela acrescentou: "um maior volume de uma área do cérebro pode levar a uma melhora das funções nesta área".

"As mudanças comportamentais devidos ao uso de contraceptivos são susceptíveis de afectar as competências que já estão mais desenvolvidos nas mulheres em relação aos homens, como, por exemplo, a memória."

A equipe de pesquisadores não conseguiu descobrir os mecanismos que provocam estas alterações mas suspeita-se que ele esteja diretamente relacionado com os níveis de estrogênio ou de progesterona que reforçaria as ligações entre as células nervosas do cérebro.

Apesar de algumas áreas ficaram maiores, o cérebro não aumentou de tamanho, e não se sabe se essas áreas recuam às suas dimensões originais quando a mulher para de tomar a pílula.

A Pílula Anticoncepcional continua sendo um terreno fértil para os pesquisadores. Um estudo anterior concluiu que a pílula, tomada por milhões de mulheres que ainda não estão prontas para serem mães, torna as estéreis. Outras pesquisas sugerem que os hormônios do anticoncepcional diminuem o interesse sexual de uma mulher por homens adultos e fazem com que ela se sinta mais atraída por homens jovens.


TAGs: , ,

0 comentários:

Postar um comentário