Firefox é novo navegador padrão da IBM.

Quase meio milhão de funcionário da empresa mudaram para o concorrente do Explorer.

Apesar de ter ocupado o primeiro lugar, ano após ano, como o browser mais utilizado do mundo, o Explorer acaba de sofrer um grande golpe: a IBM anunciou ontem a adoção do Firefox como novo navegador padrão da empresa.


Em seu site, Bob Sutor, vice-presidente de Open Source e Linux da empresa, confirma a preferência pelo Firefox, o que significa um ganho de 400 mil usuários. A base atual do browser é de 400 milhões, ou seja, a IBM corresponderia a 0,1% do total – o que pode parecer pouco, mas é um número impressionante, explica o site Download Squad.

Sutor faz diversos elogios ao browser da fundação Mozilla, dizendo que muitos já vieram e se foram, e que agora o Firefox é o exemplo de como deve ser um navegador aberto, seguro, e dentro dos padrões, conta o site de notícias da CNET.

Entre os motivos que levaram a empresa a adotar o browser, estão sua versatilidade e interoperabilidade via padrões abertos (de grande interesse da IBM), o fato de ser open source e ser gerenciado por um grupo de desenvolvedores (e não uma entidade comercial), sua segurança, sempre em atualização e garantida por um grupo de especialistas do mundo todo, seu suporte às extensões, podendo ser personalizado para empresas como a IBM, além de estar sempre se aprimorando – forçando também seus concorrentes a fazê-lo, especialmente em relação à sua velocidade e funcionamento.

Por ser uma gigante bastante influente, a IBM pode se tornar um exemplo a ser seguido, inspirando outras empresas a aprovarem o Firefox. Prenúncio do fim para o reinado do browser da Microsoft? Muitos torcem para que sim.



TAGs: , ,

0 comentários:

Postar um comentário