Yonaguni - as pirâmides japonesas submersas.




Uma visão geral do Monumento Yonaguni, uma descoberta que pode reescrever a história da humanidade.



Yonaguni é uma pequena ilha localizada no extremo leste do arquipélago japones, fica a apenas 108 km de Taiwan e é um local de mergulho muito visitado durante os meses de inverno devido existência de uma grande população de tubarões-martelo .

Em 1987, enquanto procurava um bom lugar para observar os tubarões, Kihachiro Aratake , mergulhador e diretor da Associação de Turismo da ilha , descobriu algumas formações singulares no fundo do mar que lhe pareceram ser muito semelhantes a estruturas arquitetônicas.

Pouco tempo depois, um grupo de cientistas dirigido por Masaaki Kimura da Universidade do Ryukyu visitou estas estruturas e tornou-se um forte defensor de que elas são artificiais (feitas pelo homem).

As estruturas descobertas foram batizadas de Monumento Yonaguni e o local rapidamente se tornou uma atração para mergulhadores relativamente populares de todas as nacionalidades. Em 1997, o industrial japonês Yasuo Watanabe patrocinou uma expedição informal composta pelos escritores John Anthony West e Graham Hancock , o fotógrafo Santha Faiia, o geólogo Robert Schoch, alguns mergulhadores e instrutores de esporte, e uma equipe de filmagem do Canal 4 britânico e do Discovery Channel. Outro visitante famoso foi o mergulhador Jacques Mayol , que escreveu um livro sobre seus mergulhos em Yonaguni. Uma placa em sua homenagem foi fixada no local após seu suicídio em 2001.

O geólogo Robert Schoch declarou em seu relatório que "Parece ser uma construção feita de amplos terraços, rampas e terraços largos. No entanto, geólogos americanos afirmam que não se trata de uma estrutura feito pelo homem, mas uma formação natural. Devemos considerar no entanto a possibilidade de que o Monumento Yonaguni é fundamentalmente uma estrutura natural que foi utilizada, melhorada e modificada pelo homem nos tempos antigos."

Cientistas japoneses têm encontrado marcas nas pedras que indicam que eles foram lavradas. Não só isso, as ferramentas utilizadas neste processo foram encontradas na área, e esculturas foram descobertos. A pequena escada esculpida na rocha aparece para tornar o teoria de que esta é uma formação natural implausível.

O problema com tudo isso para que os cientistas ocidentais é que isso implica que uma "desconhecida cultura oriental" tenha desenvolvido e atingido um alto grau de organização milhares de anos antes das primeiras civilizações ocidentais. Geologicamente, o Monumento Yonaguni afundou no oceano no final da última era glacial, cerca de 10 mil anos atrás. Alguns geólogos ocidentais teorizaram que, se for feito pelo homem, deve ter subido do mar em tempos mais recentes, e foi esculpida em seguida.

A descoberta de outras estruturas semelhantes sob o mar do Japão tem aumentado mais ainda a polêmica sobre este assunto e se estas estruturas forem semelhante ao Monumento Yonaguni, elas podem reescrever a história do homem primitivo.

Imagens do Monumento





Palco de pedra - ao fundo percebe-se claramente um "rosto de pedra" esculpido na extremidade da parede do palco.






Difícil de acreditar que essas "rampas" sejam apenas uma "simples obra da natureza".






Tartaruga - que significado poderia ter um monumento que possui seus cantos angulares completamente retos e plataformas paralelas?






Linhas retas e perfeitas formando dos degraus de acesso ao monumento de yonaguni.






A disposição geometrica dos blocos seriam apenas uma "obra da natureza"?






Resquicios de uma "arena natural"?






A disposição dos blocos ao fundo nos dão uma idéia da complexidade para se encontrar uma resposta sensata e racional.






Muito dificil de acreditar que isto não tenha sido feito pelas mãos do homem.






Foto de um dos Registros esculpidos nas paredes do monumento.





TAGs: ,

0 comentários:

Postar um comentário