A humanidade e suas máquinas maravilhosas.



Conheça aqui os "antecessores" de alguns dos veículos que hoje em dia fazem parte do nosso cotidiano. Estranhos, exóticos, malucos ou qualquer outro sinônimo que se queira dar aos mesmos, não importa, representam um registro da capacidade criativa do ser humano e da sua enorme vontade em continuar evoluindo constantemente.

Isto nos dá a certeza de que algumas das chamadas "supermáquinas" dos dias atuais com certeza serão consideradas "carroças" e motivos de piadas e chacotas pelas gerações futuras: "coisas da época do meu tataravô", como costumamos dizer hoje em dia.

Plano inclinado Monte Adams - Cincinnati, Ohio, EUA






Com uma extensão total de 268 m e uma altura de 81 m, foi inaugurado em 1872 e operou até o ano d 1948, foi demolido a fim de dar continuidade ao plano diretor urbano da cidade.

Veículo Elétrico de Turismo Urbano, Nova Iorque, EUA




Foi fabricado pela empresa Studebaker entre os anos de 1903-1911, foi um "antecessor" dos ônibus e caminhões da atualidade.

Metrô do Senado, Washington, EUA




Inaugurado em 1909 era uma linha de "monotrilho" que interligava alguns prédios dentro do chamado "complexo do Capitólio", o centro administrativo do governo americano. Hoje em dia uma complexa e moderna linhas de metrôs fazem a interligação entre as dezenas de prédios existentes no complexo.

Helicoptero Cierva Air Horse, Inglaterra




O Cierva W.11 Air Horse foi um helicóptero britânico destinado ao transporte de cargas criado em 1948 e considerado o maior do mundo à época. A aeronave era incomum por utilizar de três rotores dispostos de forma triangular que eram acionados por um único motor localizado no interior do fuselagem.

Infelizmente no dia 13 junho de 1950, um protótipo, movido por um motor Rolls-Royce Merlin 24 caiu matando seus 2 pilotos de testes e um engenheiro de vôo e o seu projeto foi desativado e engavetado.

Convair XF2Y-1 Sea Dart




Um dos mais incomuns caças monopostos a ser desenvolvido durante os primeiros anos após a Segunda Guerra Mundial, o Convair XF2Y-1 Sea Dart tinha uma arrojada concepção de combinar um "hidroavião" com um "supersonico".

As dificuldades apresentadas no pouso e na decolagem de aviões supersonicos nos porta-aviões da marinha americana levaram na a investir neste projeto. Foram encomendados 2 prototipos e e seu voo inaugaural aconteceu no dia 09 de abril de 1948.

A baixa velocidade atingida e os problemas de excesso de vibração apresentados pelos 2 pares de esquis que o avião utilizava, levaram a marinha americana a cancelar o contrato. Um acidente no dia 4 de novembro de 1954, durante uma demonstração para funcionários da Marinha e da imprensa, um prototipo se desintegrou no ar na Baia de San Diego , Califórnia, matando o piloto de testes da Convair, o piloto Charles E. Richbourg quando ele inadvertidamente ultrapassou os limites da estrutura da aeronave.





Rumpler Tropfenwagen




Um carro desenhado pelo projetista Austriaco Edmund Rumpler foi a grande sensação do Salão do Automóvel de Berlim de 1921. Edmund Rumpler era um designer especializado em aviões mas a proibição de fabricação de aeronaves na Alemanha devastada pela derrota na I Grande Guerra Mundial obrigou Edmund Rumpler a mudar de ramo, passando a atuar na industria automobilistica. Conhecido como Rumpler Tropfenwagen, era um modelo arrojado e muito avançado para a sua época e menos de 100 unidades foram comercializadas. Mas em 1923 a Mercedes Benz adquiriu as patentes de um Edmund Rumpler praticamente falido e lançou o 1923 Benz Tropfenwagen que foi um sucesso comercial de vendas e um grande vencedor de corridas da época.

Mais Inventos





Metralhadora SEMAG de 20 mm.






Alemanha - veículo de transporte de tropas Ost-Steyr-RSO






McQuay-Norris Teardrop Streamliner 1934 - muito interessante e original, o chassis foi retirado da Ford A e foram produzidas apenas 6 unidades. Veja mais detalhes dele Clicando Aqui.






DM62 - locomotiva sobre chassis com rodas, projeto sovietico criado para o transportar mísseis.





TAGs: , , , ,

0 comentários:

Postar um comentário